Impostômetro

13 de maio de 2014

O PASSSO A PASSO DA CONSTRUÇÃO DE UM TANQUE DE EVAPOTRNSPIRAÇÃO

A Bacia de Evapotranspiração, conhecida popularmente como “fossa de bananeiras”, é um sistema fechado de tratamento de água negra, aquela usada na descarga de sanitários convencionais. Este sistema não gera nenhum efluente e evita a poluição do solo, das águas superficiais e do lençol freático. Nele os resíduos humanos são transformados em nutrientes para plantas crescerem de forma frondosa, e assim a água só sai por evaporação, portanto completamente limpa.
Portando este sistema e muito importante, pois com a implantação deste sistema não poluímos o ambiente, e como a proposta desta Bacia de Evapotranspiração, ser completamente fechada, ou seja, não tem os resíduos que e gerado, fica totalmente dentro da bacia, não saindo, para ter contado com o solo.

Imagem ilustrativa de como fica a Bacia de evapotranspiração depois de pronta, um corte transversal:


Figura 01: A BETs depois de pronta, um corte transversal e longitudinal com uma imagem ilustrativa.

1. CONSTRUÇÃO: PASSO A PASSO
Primeiro passo e escavação de um buraco no chão, modelo de um tanque, como no local onde trabalho tem um fluxo intenso de pessoas, foi aberto um buraco de 5 m de comprimento X 02 de largura X 1,5 de profundidade, dando em torno de 15 m3 ( foto 01 e 02).


Foto 01 e 02: abertura do buraco para a construção do Tanque de Evapotranspiração

  Depois que e aberto o buraco suas paredes e revestida com grades de ferro, e depois da grade coloca- se a tela de viveiro de pintinhos, (Foto 03 e 04).





Foto 03,04 e 05: estrutura com apenas o ferro e a tela de viveiro.

Logo após ter sido colocado a grade de ferro e a tela,reboca tudo com cimento e areia bem forte, na proporção de 1 saco de cimento para três carro de areia limpa. Fazendo o reboco em todas as paredes de ferro cimento, bem como no fundo do tanque, para que fique uma estrutura segura e evitar ter problemas futuramente, (foto 06 e 07).


Foto 06 e 07:fazendo a parede de ferrocimento.

Na próxima etapa depois do reboco estiver pronto, vai ser colocada uma camada de 10 cm de entulho, pode ser resto de construção, tijolo quebrado, dentre outros. Como mostra na (foto 08 e 09).


Foto 08 e 09: camada de 10 cm de entulho           

Logo após ser inserida a camada de entulho, vem o ponto principal do tanque que e um túnel de pneus de segunda que e conseguido em borracharias , que não dar mais para ser utilizado nos carros, só uma observação, os pneus tem que ser padrão para não ter os altos e baixos, o objetivo deste túnel no centro do tanque e por que o mesmo, e por que toda a parte solida das fezes que e em torno de 1%, ficara alojado no seu interior e a água irá sair, e evaporar para cima, por que dos lados e no fundo esta vedada pela parede de ferrocimento, segue exemplo nas (fotos 10 e 11).


Foto 10 e 11: construção do túnel de pneus usados no centro do tanque.

Logo em seguida, após o túnel de pneus e feito uma câmera de tijolo deitado com uma altura de 60 cm até cobri – los totalmente, esta câmera proporciona a filtração da água para o interior do tanque, e reter os resíduos dentro dos pneus, virando húmus, matéria orgânica. No túnel e colocada um pneu com um buraco para ser colocado um cano, que será ligado com a encanação que vêm do banheiro, exemplo nas (fotos 12, 13 e 14).


Foto 12: cano de passagem dos dejetos do banheiro para os pneus do túnel que os mesmos ficarão depositados, e com o tempo virara húmus.



Foto 12 e 13: fazendo a câmara de filtração d água dos resíduos sólidos que vão para dentro dos pneus.

Depois deste processo, e colocado mais uma camada de 10 cm de entulho, tipo tijolo quebrado. Para terminar de cobrir por completo os tijolos deitado, segue exemplo nas (fotos 15 e 16).



Fotos 15 e 16: camadas de entulho de 10 cm por cima dos pneus, e o cano que aparece na foto e o que recebe os resíduos ou dejetos que vem do banheiro.

Após ter colocado a camada de entulho vêm por cima uma camada de brita, também de 10 cm, o objetivo desta camada, tanto do entulho, quanto da brita e proporcionar que funcione como um filtro durante o processo de vaporização da água, e outra dica importante e que deve ser colocado um cano de 50 mm da camada do entulho para o da brita, para que funcione como um suspiro exemplos nas (fotos 17 e 18).



Foto 17 e 18: camada de brita em cima do entulho.

  Logo depois da camada de brita, vem uma camada de areia de 10 cm, e entre a camada de brita e a areia, vem outro cano, também de 50 mm, para servi de suspiro, segue exemplo nas (fotos 19 e 20).



Fotos 19 e 20: camada de areia de 10 cm, por cima da brita, tendo um único objetivo servir como filtro biológico para a vaporização da água.

Logo após a camada de areia, para finalizar, ou seja, aterrar por completo o tanque, os 60 cm restante, completa este espaço com barro, pois o objetivo destes espaços e para plantar as bananeiras e raízes, esta espécie tem um objetivo de reter em torno de 60 litros de água por dia para a atmosfera, segundo estudo, exemplo da camada de barro nas fotos (21 e 22).





Fotos 21 e 22: camada de barro por cima da camada de areia finalizando o processo de cobertura do tanque evapotranspiração.

Nas fotos a seguir mostra a fase final do tanque de evapotranspiração, sem as plantas, seguir nas fotos (23 e 24).



 Fotos 23 e 24: Taque de Evapotranspiração em sua fase final.

O tanque de evapotranspiração depois de sua fase concluída, em seu entorno e plantado um circulo de bananeiras, tendo como principal objetivo de ajudar a evaporar para a atmosfera parte da água vinda dos dejetos sólidos do banheiro, exemplos temos nas fotos( 25 e 26).


Fotos 25 e 26: tanque em sua fase final e funcionando a todo vapor


CONCLUSÃO

Concluindo este trabalho, sabemos que este método adotado de Bacia de evapotranspiração -BEts, tem como objetivo de não poluir o solo com os dejetos alojados em locais inadequado, como e feito em fossas convencionais que são construídas nos fundos dos quintais de casa, poluindo então em cidades grandes o lençol freático com os coliformes fecais e totais.
Esta alternativa que proponho e para evitar este tipo de problema que estamos enfrentando no nosso dia a dia, e no dia a dia das vivenciado pelas populações de grandes cidades.....



OBS: qualquer duvida em relação de como construir uma Bacia de Evapotranspiração, deixe seu comentário que tenho o maior prazer em responde-lo...... 


Autor da Matéria: Kleiton Xavier de Oliveira Ormonde 



Postar um comentário